Entidades paraibanas debatem Política de Proteção às Crianças e Adolescentes


Foto: www.aspta.org.br

A AS-PTA Agricultura Familiar e Agroecologia promoveu um debate com parceiros na ação do seu Núcleo de Infância e Educação com o Polo da Borborema e educadores de escolas do campo da região sobre a sua Política de Proteção às Crianças, Adolescentes e Adultos em Situação de Vulnerabilidade. O debate aconteceu no dia 4 de setembro, em sua sede, no Centro Agroecológico de São Miguel, em Esperança-PB. Este foi o segundo momento de construção coletiva dessa política, que está em fase de elaboração. A entidade tem contado com a assessoria de Desirée Ruas e Fernanda Clímaco, ambas especialistas na cultura da criança e atuam como consultoras na elaboração da Política.


Desde 2002, a AS-PTA, em parceria com os 13 Sindicatos de Trabalhadores Rurais que formam o Polo da Borborema e, mais recentemente, com as secretarias de educação dos municípios, realiza a Campanha pelo Fortalecimento da Vida na Agricultura Familiar. Tem como público milhares de crianças, filhos e filhas das famílias agricultoras que participam da dinâmica e do trabalho de promoção da agricultura familiar agroecológica no território da Borborema, no Agreste da Paraíba.


A Campanha tem como principal ação as Cirandas da Borborema, um dia de aprendizagem assentado na ludicidade, que acontecem duas vezes ao ano em escolas do campo, igrejas ou associações comunitárias de mais de 50 localidades rurais, nos 13 municípios. O objetivo é trabalhar com as crianças os temas que mobilizam o movimento social da agricultura familiar agroecológica da região, dialogando com os seus saberes e promovendo a sua identidade camponesa.

Fonte: http://aspta.org.br

0 visualização
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone SoundCloud

Contato

Telefone: (84) 3211-4491

E-mail: seapac.estadual@seapac.org.br

Endereço

Cep: 59065-290

Rua Trajano Murta, 3317 – Candelária, Natal-RN

Links Rápidos

©2018 por S.talk. Todos os direitos reservados SEAPAC-RN