Chuvas elevam aporte hídrico dos reservatórios potiguares


Açude Passagem, localizado em Rodolfo Fernandes sangrou nesta quarta-feira, 22 (Foto: Suelda Maia).

As últimas chuvas registradas em todo o Rio Grande do Norte aumentaram as reservas hídricas potiguares, segundo publicou o Instituto de Gestão das Águas (IGARN), através do Relatório do Volume dos Principais Reservatórios Estaduais, divulgado nesta quarta-feira (22). O açude Passagem, em Rodolfo Fernandes, sangrou após mais de 10 anos. A última vez que o reservatório esteve complemente cheio foi em junho de 2009. O reservatório Encanto, localizado no município de Encanto; Riacho da Cruz II, em Riacho da Cruz e Dourado, em Currais Novos, que já haviam sangrado no mês de março, voltaram a sangrar. As barragens, Pataxó, localizada em Ipanguaçu; Beldroega, em Paraú e Apanha Peixe, em Caraúbas, continuam a verter suas águas.


A barragem Armando Ribeiro Gonçalves, situada em Itajá, acumula atualmente 838.686.868 m³, correspondentes a 35,34% da capacidade, que é de 2,37 bilhões de metros cúbicos. O volume já supera o percentual que o manancial represava no final da quadra chuvosa de 2019, que era de 34,69% da capacidade. O segundo maior reservatório do Estado, a barragem Santa Cruz do Apodi, acumula atualmente 184.311.120 m³, correspondentes a 30,73% da capacidade, que é de mais de 599 milhões de metros cúbicos. A última vez que o reservatório atingiu esse volume d’água foi em janeiro de 2016. O reservatório Umari, em Upanema, acumula atualmente 147.854.328 m³, correspondentes a 50,49% do volume máximo. A barragem não atingia esse volume desde dezembro de 2013.


O açude Santo Antônio de Caraúbas, que já sangrou nesta quadra chuvosa, continua com um aporte de 8.409.618 m³, correspondentes a 98,5% da capacidade. O açude Boqueirão de Parelhas, também recebeu aporte hídrico e acumula 25.701.823 m³, percentualmente 30,31% do volume máximo. Situado no mesmo município, o açude Caldeirão, na última semana, represava apenas 17% da capacidade e agora acumula 2.467.678 m³, correspondentes a 26,48% do volume máximo. O açude Zangarelhas, em Jardim do Seridó, que estava com apenas 0,95% da capacidade no dia 13 de abril, agora está acumulando 1.026.150 m³, correspondentes 12,96% do volume máximo.


O açude Itans, em Caicó, também recebeu bom aporte após as últimas chuvas na região. Com capacidade para 75.839.349 m³, acumula 6.946.672 m³, correspondentes 9,16% do volume máximo. No último relatório divulgado pelo Igarn, em 13 de março, o reservatório estava com 2.899.902 m³, correspondentes a 3,82% da capacidade. O reservatório Marechal Dutra (Gargalheiras), em Acari, atualmente acumula 11.991.171 m³, correspondentes a 26,99% da capacidade, que é de 44.421.480 m³. As reservas hídricas superficiais totais do Estado já acumulam 1.525.226.598 m³, percentualmente, 34,85% da capacidade total do RN, que é de 4.376.444.842 m³. Este já é o maior volume hídrico estadual dos últimos 5 anos.

Fonte: http://igarn.rn.gov.br/

0 visualização
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone SoundCloud

Contato

Telefone: (84) 3211-4491

E-mail: seapac.estadual@seapac.org.br

Endereço

Cep: 59065-290

Rua Trajano Murta, 3317 – Candelária, Natal-RN

Links Rápidos

©2018 por S.talk. Todos os direitos reservados SEAPAC-RN