Agricultores de São Miguel vivem dia de troca de experiências e saberes


Espaço de produção das mudas em bandejas (Foto: Fabrício Edino)

Agricultores de São Miguel, do Alto Oeste do Rio Grande do Norte, acompanhados pelo agrônomo Fabrício Edino, do Núcleo do Seapac naquela região, realizou um dia de troca de experiência e partilha de saberes em agroecologia e segurança alimentar e nutricional, ontem, 13 de setembro, na propriedade dos agricultores Pedro Dantas e seu filho Ladijânio Pessoa, no município de São Miguel. Ladijânio é o atual Presidente da Central de Associações e coordenador do Fórum de Associações de São Miguel.


“Estava a maioria dos agricultores das Unidades Produtivas Familiares (UPFs) que acompanhamos e que vendem os produtos na Feira Agroecológica da Agricultura Familiar de São Miguel”, esclarece Fabrício. Além dos agricultores, também estavam um representante do Banco do Nordeste que trabalha com a linha de financiamento do PRONAF Agroecológico, um técnico extensionista da EMATER e o Padre Valdeci Donato da Silva, pároco de São Miguel.


O grupo de agricultores viu a experiência da família de Pedro e Ladijânio com a produção de hortaliças. A família comercializa os produtos junto ao Programa da Compra Direta (PNAI), faz a venda direta aos consumidores e na Feira da Agricultura Familiar de São Miguel. A família criou um viveiro de mudas de hortaliças para facilitar o plantio. “Eles usam bandejas para produzir as mudas, e há uma diversidade imensa de hortaliças. Produzem alface crespo e roxo; pimentão, pimentas, repolho verde e roxo, rúcula e muitas outras”, explica Fabrício.


Para organizar os canteiros, eles usam um microtrator, com o qual revolvem a terra para diminuir a mão de obra braçal. “Um ponto marcante nestas experiências é o envolvimento de toda família, incluindo no trabalho o pai, a mãe e os filhos. A gente ver o brilho no olhar dos agricultores e se percebe a união do grupo e o envolvimento da família com esta proposta de trabalho do Seapac”, comenta Fabrício.


Atualmente, os agricultores desse grupo trabalham no sentido de conseguir a certificação de produtores orgânicos e agroecológico fornecida pelo Ministério da Agricultura. “Estamos trabalhando neste sentido. Para tanto, já estamos iniciando o cadastramento dessas famílias para que possamos encaminhar ao Ministério da Agricultura”, informa Fabrício Edino.

Veja outras foros da experiência visitada (Fotos e Fabrício Edino):



28 visualizações
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone SoundCloud

Contato

Telefone: (84) 3211-4491

E-mail: seapac.estadual@seapac.org.br

Endereço

Cep: 59065-290

Rua Trajano Murta, 3317 – Candelária, Natal-RN

Links Rápidos

©2018 por S.talk. Todos os direitos reservados SEAPAC-RN