Água de reservatórios dão segurança hídrica para PB e RN em 2020


Barragem Armando Ribeiro, em fevereiro de 2019 (Foto: José Bezerra)

O volume d’água até agora acumulado nos reservatórios Coremas e Mãe d’Água, no Estado da Paraíba, dão segurança hídrica para os meses restantes deste ano de 2020 às populações abastecidas pelos sistemas ao longo da bacia hidrográfica Piancó-Piranhas-Açu. É o que garante o articulador estadual do Seapac e membro da diretoria do Comitê da Bacia-Hidrográfica-Piancó-Piranhas-Açu (CBH PPA), Agrônomo José Procópio de Lucena.


O açude de Coremas, até o dia 14 deste mês de abril de 2020, estava com 39,4% da capacidade total. Em 2019, estava com 13,8%; em 2018, com 11,7%; em 2017, com 4,3% e em 2016, com 7,5%. A situação hídrica da barragem Mãe D'Água, na mesma data, é semelhante à do Coremas. Até ontem, 14 de abril, estava com 38,0%. Em 2019, estava com 7,8%; em 2018, com 8,1%; em 2017, com 5,6%; e em 2016, com 14,8%. As informações de José Procópio se baseiam nos dados liberados pela Agência de Águas da Paraíba (AESA-PB).


Segundo José Procópio, “essas informações das condições hidrológicas do sistema Coremas-Mãe D’Água, no Estado da Paraíba, nos últimos anos, nos levam a afirmar que já temos água para garantir os múltiplos usos, com gestão eficiente e uso planejado em 2020, para os municípios da Paraíba e do Rio Grande do Norte”. Por sua vez, a barragem Armando Ribeiro Gonçalves, o maior reservatório potiguar, está com está represando, atualmente, 815.423.127 m³, o que corresponde a 34,36% da capacidade total, que é de 2,37 bilhões de metros cúbicos.

0 visualização
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone SoundCloud

Contato

Telefone: (84) 3211-4491

E-mail: seapac.estadual@seapac.org.br

Endereço

Cep: 59065-290

Rua Trajano Murta, 3317 – Candelária, Natal-RN

Links Rápidos

©2018 por S.talk. Todos os direitos reservados SEAPAC-RN